quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Do medo da morte

 "Tu tens um medo; acabar.
Não vês que acabas todo o dia!
Que morres no amor,
na tristeza,
na dúvida,
no desejo...
Que te renovas todo dia;
no amor,
na tristeza,
na dúvida,
no desejo...
Que és sempre outro.
Que és sempre o mesmo.
Que morrerás por idades imensas,
até não teres medo de morrer...
E então serás eterno."
Cecília Meireles

4 comentários:

  1. Oi amiga!
    Quantta verdade neste texto, porque então ter medo??? Tem um selinho lá no meu blog para vc! Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Criamos o medo por desconhecer a infinita Luz que habita em nós.
    Somos seres eternos.
    Somos Luz eterna.
    É só permitir que ela brilhe intensamente e o medo deixa de existir.

    ResponderExcluir
  3. Eita q vc tá chique demais! Cecília Meirelles! gosto muito.
    como disse a Zizi, o caminho é deixar a luz brilhar sempre.
    bom dia minha querida amiga

    ResponderExcluir
  4. Acho que todo mundo tem este medo, mas não podemos ser simplesmente ficar preso nele...

    Fique com Deus, menina Fadinha.
    Um abraço.

    ResponderExcluir


VOLTE SEMPRE!!!!
 
BlogBlogs.Com.Br